domingo, 21 de setembro de 2008

A PESQUISA E SUAS CONTRIBUIÇÕES PARA A EDUCAÇÃO

Trazemos aqui brevemente elementos de discussão da organização da pesquisa. Existem alguns aspectos básicos a serem contemplados na elaboração de uma proposta de pesquisa científica tais como: OBJETIVO, JUSTIFICATIVA, PROBLEMA, REFERENCIAL TEÓRICO, METODOLOGIA e REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS.
O primeiro passo para começar uma pesquisa é a escolha do objeto de estudo relacionado a uma problematização deste. Tal problematização articulada ao objeto irá gerar os objetivos e a metodologia da pesquisa que sempre estará ancorada em um referencial teórico. Como exemplo, temos nosso problema de pesquisa que é investigar de que maneira os universitários dos cursos de Pedagogia, Letras e Comunicação Social significam a LEITURA na que diz respeito às relações leitor/ texto/ contexto.
Em geral, um bom problema de pesquisa atende a cinco características:
1. Deve ser formulado como uma pergunta;
2. Deve ser claro e preciso;
3. Deve ser empírico;
4. Deve ser suscetível de solução;
5. Deve ser limitado a uma dimensão viável.
Nesse aspecto, a pesquisa é conduzida como uma experiência reflexiva com o propósito de diagnosticar conteúdos que fazem parte do estudo, possibilitando uma reelaboração que visa mudar o nosso modo de pensar e agir, alterando, dentro dos limites cabíveis, a interpretação do objeto de estudo.
O pesquisador ao traçar metas a serem alcançadas estará propondo os objetivos de sua pesquisa. Uma pesquisa ao ser realizada poderá trazer elementos para refletir sobre uma determinada situação ou realidade ou mesmo modificar a realidade investigada (se for o caso) mediante a interpretação dos dados que possibilite uma determinada intervenção na realidade.
Articulando à nossa pesquisa, por exemplo, temos como objetivos:
• Compreender como se dão os processos de subjetivação - objetivação em torno do ato da leitura como prática histórico-cultural, que se realiza em diversos espaços - tempos.
• Compreender como as práticas culturais interferem no processo cognitivo da leitura, re-significando a sua dimensão cultural e coletiva.
• Ampliar os conhecimentos no campo das práticas sociais de leitura dos alunos dos cursos de Pedagogia, Letras e Comunicação da Universidade Estácio de Sá – Campus Petrópolis.
• Ampliar o espaço de divulgação e visibilidade do Projeto na comunidade acadêmica através de publicação de artigo e/ou comunicação referente às reflexões vividas no grupo de pesquisa.
A pesquisa tem o papel de nos fazer refletir sobre a realidade que nos cerca permitindo construir novos caminhos em vez de repetir, sempre, os caminhos já conhecidos. Afinal, a realidade histórica e social muda mesmo que certos problemas permaneçam por variados motivos. Precisamos levar em consideração que o que hoje é tido como uma verdade, amanhã poderá não ser.
Giancarlo Kind Schmid e Monique Carnevali

2 comentários:

Sandra La Cava disse...

Gian e Monique,
Parabéns pela produção!
De maneira bastante objetiva, mostraram os passos iniciais da pesquisa. Vamos seguir nosso estudo para alcançarmos nossos propósitos.
Sandra

Adriana Hoffmann disse...

Ficou muito bom mesmo! Apareçam por aqui, gente!!!
Adriana